Visitantes

sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

O Recomeço


O primeiro mês do ano não poderia terminar sem eu publicar um novo texto, afinal no ano passado minha média foi um por mês. É muito bom conseguir manter essa média, talvez até aumentar.

Muitas vezes recomeçar não é uma tarefa fácil, independente de qual seja esse recomeço. Cada peso pode variar de pessoa e situação na qual cada indivíduo se encontra.

Por mais trabalhoso, angustiante, até mesmo desmotivador, o ato de mudança por muitas vezes é um fato inerente ao contexto e se encarrega como uma obrigação e não opção. Portanto, deixemos de reclamar e vamos arregaçar as mangas, encarar a vida como ela é.

Ultimamente tenho buscado o silêncio, o anonimato e os bastidores. Encerro janeiro com uma ferida profunda, que nada vai cicatrizar. Mais um vez fui traído, usado e roubado e iludido. O ano mal começa e já me encontro nessa situação.

Tenho plena convicção de que, seres desonestos, manipuladores, que usam da boa fé de pessoas honestas para cometerem delitos, são seres pobres de espirito.