Visitantes

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

De Olho No Preço


Na tarde de hoje (segunda-feira, 26 de setembro de 2016), estava eu fazendo compras no hipermercado Extra, na Asa Norte (Brasília), quando me deparo com essa absurda diferença de preços de um mesmo produto, a única diferença é somente a marca, vez que o peso e informação nutricional são iguais.

Me pergunto o porquê de tanta ganância, a ponto de de fazer o preço de uma simples bebida láctea ser tão cara.  Se comparado com a inflação medida pelos órgãos oficias não condiz com essa realidade absurda. Até que ponto vamos chegar?

Enquanto muitos hoje só comentavam sobre a prisão do ex-ministro Antônio Palooci, esquecem de comentar e questionar absurdos que acontecem diariamente, por exemplo, muitos fabricantes vem reduzindo os pesos dos produtos, sem repassar o preço ao consumidor. Quem cala consente. 

Sigam-me: twitter.com/edirrodrigues

domingo, 25 de setembro de 2016

Aniversário do Lorenzo



Hoje estive na casa do meus amigos Wesley e Nívia Nery para comemorar o primeiro aniversário do filho deles, o Lorenzo. Foi um momento muito bom, pois sempre tenho a honra de participar de momentos especiais dessa família, grandes amigos.

Nessa linda confraternização reencontrei um amigo de infância, o Alessandro Pereira, que é primo da Nívia. Relembramos grandes momento de nossas vidas, rimos muito, recordamos de nossa infância e adolescência, do ensino médio e fundamental. 

Disso tudo que foi vivido hoje e recordado, compreendo que a vida é magnífica, e cada um deve tentar ser feliz com o que tem, não desejar o mal ao próximo e tentar sempre fazer com que as pessoas em sua volta sintam-se felizes.


sábado, 24 de setembro de 2016

Meu aniversário no 5uinto



Ontem (sexta-feira, 23 de setembro de 2016) foi meu aniversário, comecei as comemorações em grande estilo. Celebrei a chegada desse grande dia quinta-feira na melhor casa noturna de Brasília, o 5uinto claro, com o melhor do house.

Ontem dei prosseguimento as comemorações indo em mais duas baladas, e já vou sair hoje novamente para continuar, afinal aniversário é uma só vez no ano. Agradeço Deus por mais uma no de vida. 

Sou muito grato pela excelente família que tenho e pelos meus amigos. Agradeço em especial ao Hermes Lima por ter me apoiado e acompanhado na primeira fase desse ciclo de comemorações. Meu agradecimento em especial ao Maycon Mesquita e Leonardo Henrique, que junto com o Hermes, foram os primeiros a me parabenizar, afinal estavam comigo no 5uinto.

Enfim, é com muito carinho que venho agradecer a todos por cada mensagem, por cada palavra, por cada gesto, por cada presente, enfim, a todos que carinhosamente gastaram um tempinho do seu dia pra me desejar feliz aniversário. Deu certo, pois foi um dia muito feliz mesmo...

Aos que ligaram...
Aos que esqueceram...
Aos que não puderam estar "on-line".
Deus dê tudo em dobro que me desejaram!
Sou uma pessoa muito feliz, feliz mesmo...
Pois tenho pessoas maravilhosas que me cercam...
Uns de perto...
Uns de longe....
Outros de bem longe...
Não importa a distância e sim o carinho...
Isso é um presentão de Deus em minha vida.
Obrigado a todos.

www.edirrodrigues.com.br




quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Falta humanismo no trânsito

Hoje pude perceber o quanto o ser humano é egoísta e prepotente.

Como de Costume, saí do trabalho e fui à academia, chegando lá lembrei que meu carro estava muito sujo e resolvi não praticar minha atividade física diária e vir para casa, para levá-lo a um lava-a-jato.
No caminho de casa, ao fazer o retorno da tesourinha na altura da quadra 205/206 Sul, no Eixinho, fui surpreendido por meu carro apresentar um defeito repentino.

A embreagem simplesmente travou e parou de funcionar, liguei o pisca-alerta e imediatamente entrei em contato com um guincho para fazer a remoção do veículo, e nesse momento percebi a falta de respeito e compreensão de muitos motoristas de nossa cidade, que se demonstravam impacientes e buzinavam constantemente, como se eu tivesse optado em parar naquele local.

Acredito que esses “cidadãos” tenha esquecido que aqui em Brasília evitamos buzinar, é uma prática igual ao de parar na faixa de pedestres, uma marca dos brasilienses. Quem visita o Distrito Federal logo percebe nas placas de boas vindas que se deve evitar usar buzinas aqui.

Enfim, deixo aqui minha insatisfação com a falta de compreensão alheia, pois é muito fácil ser ríspido com o próximo, mas tentar entender os motivos pelo qual está naquela situação já é outra história.

domingo, 18 de setembro de 2016

Flip Out 2016

Estou muito satisfeito por ter participado de mais uma edição Flip Out, evento top, perfeito do começo ao fim, e teve uma linda finalização feita pelo Rica Amaral.

Muito orgulho de faze parte da cena rave de Brasília.

#FlipOut2016

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Nívia Nery

Não sou muito bom em prestar homenagens, ainda mais usando uma foto antiga, na qual não estou tão lindo quanto atualmente. Hoje é aniversário de uma pessoa encantadora, que conheci na época do Ensino Fundamental, e está presente até hoje em minha vida. 

Estou falando dela, a mãe do Lorenzo, esposa do Wesley, irmã da karina, a pedagoga e empresária Nivia Nery (apresentei igual o Faustão na hora do quadro Arquivo Confidencial. kkkk) .

Parabéns pelo seu aniversário, muitas felicidades hoje e sempre, que o Grande Arquiteto do Universo continue iluminando seu caminho. Você merece tudo de bom nessa vida.

Grande beijo. 

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

O Que Importa




De repente tudo vai ficando tão simples que assusta. A gente vai perdendo algumas necessidades, antes fundamentais e que hoje chegam a ser insignificantes. Vai reduzindo a bagagem e deixando na mala apenas as cenas e pessoas que valem a pena. As opiniões dos outros são unicamente dos outros, e mesmo que sejam sobre nós, não têm a mínima importância. 

Vamos abrindo mão das certezas, pois com o tempo já não temos mais certeza de nada. E de repente isso não faz a menor falta. Paramos de julgar, pois já não existe certo ou errado, mas sim a vida que cada um escolheu experimentar.

Por fim entendemos que tudo que importa é ter paz e sossego. É viver sem medo, e simplesmente fazer algo que alegra o coração naquele momento. É ter fé. E só.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

O Sono da Morte

Ontem, domingo, 4 de setembro de 2016, fui ao cinema com meu amigo Luís Fernando Carvalho. Quando ele me convidou, perguntei se havia escolhido o filme, tive como resposta que escolha seria feita no momento. Assim fizemos, ao chegarmos ao Kinoplex do Pátio Brasil Shopping, fomos informados que só restavam duas sessões para encerramento dos filmes do dia, nos foi dado a opção de assistirmos ao norte americano O Sono da Morte e o brasileiro Um Namorado Para Minha Mulher, ficamos com primeira opção, afinal um filme de terror combinava com o horário, pois já era quase 22:00 horas e as lojas do shopping já estavam fechadas, inclusive a praça de alimentação, só o cinema funcionando. Estacionamento deserto, luzes baixas nos corredores, e na sala tinham no máximo dez pessoas contando conosco. 

O filme conta a história do casal Jessie (Kate Bosworth) e Mark (Thomas Jane), que logo após perder o filho pequeno, aceita adotar Cody (Jacob Tremblay), um garoto da mesma idade. O filho adotivo se adapta bem à nova família, mas ele tem um problema: os seus sonhos se tornam realidade, e os pesadelos, especialmente, podem ser mortais. Quando Jessie e Mark investigam o passado do garoto, descobrem histórias sinistras.

Confesso que em muitas cenas do filme fiquei assustado, as vezes ficava mexendo no celular, porém me assustava mais ainda quando o Luís Fernando queria que eu observasse algum detalhe e me cutucava com o dedo, foi sinistro, filme de cenas muito forte. No geral não tenho muito a reclamar do filme, só não gostei do fato do pai adotivo Cody não ter tido a oportunidade de voltar a vida. 

No mais foi tudo tranquilo, tirando a parte de quando fui pagar o estacionamento, ter percebido que meu cartão de crédito havia sumido, e ao voltarmos a sala do filme, nos assustamos também com outro frequentador que havia ido buscar a carteira perdida. Ao contrário dele, não encontramos o perdido. Assim sendo paguei e estacionamento com o cartão de débito, e já cancelei o perdido. 

Inscreva-se em blog, e fique por dentro das atualizações.